sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Eu só quero...













Quero ser
sonho e realidade
grito de liberdade
calor do abraço
deitar no teu regaço
ter fé e esperança
num mundo sem bonança
ser amparo e abrigo
do amigo e inimigo
ser alegria e luz
de quem me conduz


Quero ver
sorrisos felizes
em todos os petizes
acabarem-se as guerras
em todas as terras
haver menos pobreza
e pão em toda a mesa

Quero ser e ver
Um mundo de Paz
De amor e alegria
E que este meu sonho
Deixe de ser utopia!

Céci

16 comentários:

Agulheta disse...

Céci! Sou a primeira a comentar, gostei das cores do outono e das palavras,com sabor a felicidade que sonhas que um dia possa acontecer, era tão bom amiga que tudo se transforma-se em verdade.
Beijinho de amizade bfs-
Lisa

FOTOS-SUSY disse...

OLA CECI, BELISSIMA POSTAGEM...VOTOS DE UM OPTIMO FIM DE SEMANA!!!
BEIJOS DE AMIZADE,


SUSY

poetaeusou . . . disse...

*
eu,
tambem quero
fazer parte
de um mundo novo . . .
,
maresias de quereres, deixo,
,
*

Multiolhares disse...

Que muitas pessoas queiram o que queres para fazermos um mundo melhor
beijinhos

RETIRO do ÉDEN disse...

Ámen, é tudo o que mais quero!...

Bonito pedido que espero seja ouvido por ELE.

Bjs.
Mer

Xana disse...

Que lindo céci, tanta esperança , adoreiiii
beijinhos

Abstrata disse...

Que beleza está teu blog Céci!! adorei a cor,
e teu poema está lindíssimo como sempre...

beijoss

M@ disse...

Amiga junta-te a nós.
Pela indignação.
Manuela

Canduxa disse...

Céci, continua a sonhar...o sonho é lindo e um dia acredito ser realidade.
Até lá que cada um de nós dê um passo para encontrar tudo que descreves, neste lindo poema, dentro de si.Com a nossa transformação tudo se transformará à nossa volta.

Um beijinho com muita luz.

Mariz disse...

Querida muito querida

Grata pelas sempre tão dedicadas e sentidas palavras.
Perdoa mas eu nao estou bem...não estou mesmo! e sinto-me presentemente impotente para continuar a escrever algo que agrade a todos e que faça mexer dentro.Enquanto naõ me recuperar, a minha vibração não flui, e isso passa para o exterior.
Foam muitos acontecimentos juntos pesados, dolorosos e ainda não acabaram...eu sou forte sim...mas o meu corpo já não é de menina e não recupera assim....tão facilmente.
Amei este poema...é de sonho e esperança.
Sonha sempre minha querida e visualiza o que sonhas e verás como encontrarás mudança em teu redor....é para esse contributo que venho alertando: "fazer cada um a sua parte"!

Deixo-te um beijo carinhoso...está lá o meu mail no caso de necessitares...sempre vejo quem escreve..embora agora não tão assiduamente.

Sempre....
Mariz

Agulheta disse...

Céci. Venho deixar um sorriso amigo,com amizade e abraço fort.
Beijinhos bfs Lisa

Nilson Barcelli disse...

Eu também quero...!!!
Belo poema querida amiga, cheio de bom desejos. Gostei muito.
Beijos.

utopia das palavras disse...

Eu só quero...tudo o que no poema é palavra! Quero estar a um passo desse sonho!
Escreveste tão bem aquilo que comanda a vida!Parabéns!

Beijinho

Ana disse...

Minha doce e linda amiga Céci, também queria fazer parte de um Mundo melhor e que também muitas outras pessoas quisessem, seria tão bom!
Adorei estas tuas palavras repletas de esperança.
Um grande beijinho muito carinhoso,
Ana Paula

RETIRO do ÉDEN disse...

Querida Céci,

Quero dar-te um cheirinho do novo livro de poemas acabado de ser divulgado.

...
mormente a solidão mais íntima
a mais derradeira ardência extinta
entre as sombras da floresta
em palavras reprimidas ou jamais pronunciadas,
a imagem o perfil duma palmeira solitária
incansável na secura dum deserto.

in Viagem através da Luz de José Vieira Calado


Espero que te abra o apetite e adquiras.

Bjs.
Mer

Aqua Vitae disse...

O outono é lindo... caiem as folhas! Vem a nostalgia... Lavam-se os restos das vindimas e as mentes... Lindo!
Beijinhos