quinta-feira, 6 de agosto de 2009

A Noite!


Ouço a noite!
O seu silêncio
Inquieta-me,
Mas encanta-me…

A lua e as estrelas
O céu azul prateado
A sua brisa suave
Mistério não revelado

Os cheiros são intensos
Os sons são canções
Os sentidos despertam
Num turbilhão de emoções

Envolvida pela magia
De sons, cheiros e luz
Esqueço as imperfeições
Do caminho que me conduz

E no silêncio da noite
Embalada pela melodia
O mistério tem encanto
Até ao nascer do dia!

Céci

13 comentários:

Secreta disse...

E o enquanto prolonga-se , nas recordações!
Beijito :)

Céu Vieira disse...

Querida Céci, mas que maravilhoso poema acompanhado por uma não menos maravilhosa foto!
Sintonia perfeita!
Parabéns amiguinha
Beijinhos e abraços com muito carinho

Persida Silva disse...

Olá amiga Céci, obrigada pela sua visita, partirei só domingo ainda cá estou, desejo-lhe um fim da tarde feliz.
Beijos
Persida

Persida Silva disse...

Amiga, gostei muito deste poema, desejo-lhe uma boa continuação, bravo.Envio um abraço caloroso.
Persida

RETIRO do ÉDEN disse...

Querida Céci,
Mas que maravilha de foto a acompanhar brilhantes palavras cheias de sentimento e verdade.

Agradeço-te a amabilidade do teu comentário...
Que o nosso passarito vá até ti e que te cante canções de embalar,e te leve muito amor...e paz para te acompanhar nas noites de solidão e mais inquietas.
Bjs.
Mer

Gui disse...

Querida amiga, o encanto reside na nossa alma, nos nossos sentimentos e emoções. Somos nós que tornamos encantadores os nossos momentos...mesmo no meio da escuridão da noite. Um bonito poema.

♥ ♥ Rabiscando disse...

A noite sempre encanta e trás
as maravilhas do amor.

beijos!

♥ ♥

Xana disse...

Nada como um final de dia maravilhoso para começarmos de novo a labuta diária :)
beijoca e bom fim de semana

RETIRO do ÉDEN disse...

Querida Céci,

Venho desejar um excelente fds. em Jesus Cristo.

Bjs.
Mer

poetaeusou . . . disse...

*
belo poste, céci,
,
é na noite,
que o silencio
ergue a sua voz,
cantando
as sublimes madrugadas,
,
um mar de jinos, dou,
,
*

Agulheta disse...

Céci! aqui venho de mansinho ler um belo poema,onde a noite prima pelo silêncio de palavras,a foto maravilhosa. Amiga vim a casa tinha coisas para resolver e volto na próxima semana,mas ando por aqui logo que possa.
Beijinho no teu coração bfs

Aqua Vitae disse...

http://www.youtube.com/watch?v=RJd6d2PwReA

Ana disse...

Retratas a noite neste maravilhoso poema cheio de sensibilidade, tal qual ela é. A noite tem uma magia muito especial.
Parabéns kida Céci por mais este "tesouro" que ilustraste muito bem.
Jinhossssssssss