terça-feira, 18 de novembro de 2008

Velhice...














Eu não quero ser velho

Porque a velhice entristece

Quero ser nova e bonita

Como o dia que amanhece


Se morrer fosse bonito

Como é o sol-pôr

Então eu queria morrer

Mesmo que fosse de amor


Dizem que para lá da morte

Nós temos uma outra vida

Então para que morremos?!

E só temos bilhete de ida?!



4 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

bom momento...

Vieira Calado disse...

Ah, gostei muito da última frase:

"se só temos bilhete de ida!"


Bjs

Zé Povinho disse...

Enquanto o bilhete não chega, viva-se cada dia procurando o melhor que há dentro de nós e tudo o que os outros nos tenham para oferecer, que nos agrade.
Abraço do Zé

Ana disse...

Achei muito bonito quereres "morrer" de amor, deve ser maravilhoso. Mas acho que vais ser linda mesmo muito velhinha :-))
Adorei o poema, foi efectivamente um bom momento. Jinhosssss gandessss, Guga