quinta-feira, 2 de julho de 2009

Abraço...

Abraço...

É demonstração de afecto
Carinho e muito amor
É saudade e lágrima
Mas também o calor

Abraço é amar
É querer aconchego
É sentir um amigo
Com todo o seu apego

Podemos abraçar
Uma causa uma pessoa
Abraço é abraço
É cingir e cercar
É não sentir espaço

Abraçar uma causa
È o que nos faz sentir
Que quem luta acredita
E nunca deve desistir

Abraçar uma criança
Transmitir-lhe carinho
É dizer-lhe com os braços
Que nunca estará sozinho

Abraçar um amigo
Com toda a fraternidade
E como dizer estou aqui!
Para a toda a eternidade

Abraçar um amor
Com toda a compreensão
É desatar todos os nós
E fazer um laço de união

Vamos assim abraçar
Uma criança, uma causa
Um amigo e o nosso amor?
Custa tão pouco abraçar...
Acreditem não dá dor!

Céci

19 comentários:

Agulheta disse...

Céci! Estava aqui esperando este abraço... e não é que ele chegou e gostei tanto.
Beijinho e aquele abraço.

Céu Vieira disse...

Querida amiga, que benção este seu poema!... Eu concordo plenamente consigo! Acho que um abraço, quando é dado com amor fala mais alto que mil palavras. E eu que sou tão "mimo", gosto tanto de abraçar e de ser abraçada!...
Aceite o meu abraço com muito carinho, sinta-o, porque eu estou a abraça-la!
Beijinhos querida

Abstrata disse...

Quase quis este abraço
me esquivo de tantos,
outros queria sentir o calor...

Sei que abraço é bom
como é bom

Gostei do teu espaço
deixo um abraço

RETIRO do ÉDEN disse...

Querida Céci,

Lindo poema...mais um filhote...sim porque cada obra que sai de um artista é uma cria...ção.

Temos pensamentos novos...no "retirito"

bjs.
Mer

RETIRO do ÉDEN disse...

Ceci...

Recebe o NOSSO GRANDE...GRANDE e APERTADO ABRAAAÇO!!!!!!!! com todo o nosso carinho, desta família.

Mer e família

Secreta disse...

Abraçar e ser abraçado , um dos sentires mais reconfortantes que existe.
Beijito.

Céu Vieira disse...

Querida amiga Céci, vá buscar o selinho que está no meu blog por favor, o seu blog merece
Beijinhos amada

Ana disse...

Quem não gosta de um abraço? Diz-me? Já viste que em todas as situações da nossa vida ele nos dá alegria, nos dá força, nos dá amor, nos dá o carinho que precisamos.
Depois de ler este teu abraço senti uma enorme vontade de te ter aqui bem pertinho para de vez em quando sentir que a nossa amizade está bem consolidada.
Adorei este abraço, minha poetisa linda!
Gostava muito que fosses ao meu Be happy tenho lá um selo para ti do Blog Dourado porque este espaço merece e um postalzinho da minha cidade de Aveiro para ti, coloca-o onde quiseres.
Um grande jinho godo,
Guga

Multiolhares disse...

Como sabe bem um abraço, por vezes mais do que outra forma de carinho.
beijinhos

utopia das palavras disse...

Que abraço amiga? Senti a tua generosidade neste abraço enorme!

Um para ti também, muito apertadinho!

Beijos

Canduxa disse...

Céci,

Um abraço nos une, nos dá força, nos faz sentir que estamos vivos.
Um abraço nos renova a esperança de vermos o nosso sorriso , aquele que se encontrava escondido.
Adorei o teu poema.
Para ti, um abraço ...mesmo sem braços.

Pedro Branco disse...

Um abraço, tão fácil e ao mesmo tempo tão difícil...

Xana disse...

Eu só acredito em abraços de verdade, do toque do cheiro que ele acompanha, do ritmo do coração que se ouve...

daqui mando-te o desejo de uma semana feliz e cheio de abraços daqueles que mais amas e queres junto de ti ;)

Persida Silva disse...

Amiga Céci, agradeço a sua visita, venha quando quizer. Desejo também uma óptima semana. Apreciei bastante este poema sobre o amor.
Beijinhos

Secreta disse...

Hoje bem que me faz falta um...
Boa semana :)

Fernando Lisboa disse...

Céci

Que bom este abraço...

"Abraçar um amigo
Com toda a fraternidade
E como dizer estou aqui!
Para a toda a eternidade"

O meu abraço para ti

Bj

F.

tibeu disse...

Adorei de verdade este blog, se me permite voltarei

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA CÉCI, MINHA AMIGA, ADOREI O TEU SUBLIME POEMA... UMA BOA SEMANA... ABRAÇOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Isabel José António disse...

Cara Amiga Céci,

Muito obrigado por nos ter visitado.

E ao vir aqui agradecer-lhe, deparo com este poema sobre o ABRAÇO, pelo qual lhe dou os parabéns.

Se não se importa, vou responder-lhe em verso, pode ser?

Um abraço é amplexo
Efectuado com calor
Pode deixar perpelexo
Quem não se dá ao amor

Estreitam-se corações
Partilham-se os afectos
Cercam-nos as emoções
Olhos nos olhos directos

Quero muito abraçar-te
Sentir a tua essência
Para não me faltar a arte
De sentir esta vivência

Um grande abraço para si

José António